JOSÉ BONIFÁCIO LAFAYETE DE ANDRADA

Essa fase que estamos vivendo me faz recordar de personagens com quem convivi na Câmara dos Deputados como Assessor Técnico, que orgulham nossa história, pelo caráter, pela retidão, dos bons tempos do nosso Parlamento. Tenho orgulho de ter em meu currículo a relação de amizade e profissional com Adauto Lucio Cardoso, Prado Kelly, Oscar Dias Correia, Djalma... Continuar Lendo →

Especialistas

Com o advento da Informática tem ocorrido, como sói acontecer, o esvaziamento de algumas profissões, como ocorreu na Revolução Industrial na Inglaterra com o invento das máquinas têxteis que causou um grande índice de desemprego de operários em todos os níveis. Por aqui um setor que tem sentido bastante essa transformação é o da imprensa... Continuar Lendo →

SAUDOSAS LEMBRANÇAS

Do Hargreaves

Para amenizar esse ambiente pesado da pandemia e das confusões politicas vou me permitir republicar algumas passagens da minha infância e pré-adolescência.

Reminiscências são ao mesmo tempo um bálsamo na alma e um peso no coração.

É a hora que revivemos os bons e menos bons momentos de nossa vida.

Por isso  disse George Bernard Show que “ “Reminiscências fazem alguém sentir-se deliciosamente maduro e triste.,  e

Fernando Pessoa no sentido de que “ O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso, existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis.

Quem de nós não tem uma lembrança, uma experiência de vida para relatar?

Eu, por exemplo, nascido em Juiz de Fora, cursando o Jardim da Infância e primário no Instituto Santos Anjos das Irmãs Carmelitas, aprendi boas maneiras, disciplina, socialização e ainda uma iniciação religiosa.

De tantas passagens…

Ver o post original 715 mais palavras

Autoridade e Liderança

Ao ser convocado a assumir a Presidência da República Itamar Franco me convidou para a Casa Civil do seu governo. Ponderei a ele que eu poderia ajudá-lo de qualquer forma, não necessitando que fosse no cargo de Ministro de Estado e principalmente na Casa Civil, pela previsível resistência dos políticos que não gostariam de ver... Continuar Lendo →

Conselhos…

Li em um site a Carta escrita pelo Ex-Comandante da ACADEMIA MILITAR DAS AGULHAS NEGRAS, General Reynaldo Caires Minati, dirigida ao Presidente Bolsonaro sob o título Cadete Presidente que é uma verdadeira pérola de moderação, seriedade,patriotismo e amizade. Por entender que dificilmente os áulicos deixam chegar ao destinatário não consegui me deter no ímpeto de... Continuar Lendo →

QUO VADIS?

Como se diz lá em Minas, “Vaca não está conhecendo bezerro” e “Papagaio está chamando urubu de meu louro”. Onde vamos chegar? Pensei que o evento do corona vírus fosse forçar uma trégua nessa confusão politica em que o país está envolvido, mas ao contrário, os artistas não param de aprontar. É como se fosse... Continuar Lendo →

Da minha janela (André Gustavo Stumpf)

André Gustavo Stumpf, um querido amigo e brilhante jornalista publicou uma gostosa matéria a respeito de sua viagem para a inauguração de Brasília em 1960. Recordando da minha chegada em 1962, sobre a qual estarei divulgando, não poderia deixar de repercutir esse rico relato do filho de Lucy minha querida colega na Câmara dos Deputados.... Continuar Lendo →

31 de março

A comemoração dessa data no país, constitui uma das mais controvertidas de nossa história política. De um lado há quem o faça por razões político-ideológicas, como é o caso do  Presidente Jair Bolsonaro, que contava com a idade de 9 anos quando ocorreu o movimento,  enquanto outros analisam todo o período do governo militar se... Continuar Lendo →

Raciocinio

O raciocínio torna-se penoso quando o ambiente se degenera. Paul Valéry ensinava que um fato mal observado é mais pernicioso que um raciocínio errado.( 1871/ 1945) Confúcio especulava que estudo sem raciocínio é uma armadilha; raciocínio sem estudo é um perigo. ( 551 A.C.) E Sófocles concluía que raciocínio e a pressa não se dão... Continuar Lendo →

Lembranças da Peste (Bartô)

O Secretario de Cultura do Distrito Federal, o Bartô, um dos mais queridos jornalistas em ação na área política de nossa Capital, cuja amizade cultivo desde os meus tempos de Assessoria na Liderança do Governo na Câmara dos Deputados e na Casa Civil da Presidência da República, sempre foi um arsenal de simpatia e honestidade... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑