Pular para o conteúdo

LIÇÕES DE VIDA: O MEU DIA DE ” BOBO ALEGRE “

Pelos idos de 1957 morei em Belo Horizonte matriculado no Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos do Exército.Terminado o curso, na volta a Juiz de Fora, achei melhor pegar um ônibus do Expresso Brasileiro que fazia BH/Rio.  para encontrar com uma garota que havia conhecido em Juiz de Fora mas que residia na Capital carioca. Eram veículos da marca Volvo que era a ultima palavra em transporte interurbano. Durante a viagem li um livro de Maurice Leblanc sobre aventuras do Arsene Lupin.

Cheguei ao Rio, após 12 horas de viagem e hospedei-me no Hotel Globo na Rua do Riachuelo (Lapa). Era onde se hospedava a maioria das famílias mineiras, não tanto abastadas. Nos idos de 1958 era uma acomodação agradável e de preço acessível, e ainda se podia andar na cidade a qualquer hora. Uma vez hospedado no Hotel Novo Mundo no Catete, saí por volta de 4hs da manhã e fui a pé carregando uma valise até a Praça Mauá. Hoje….. não tente!

Por volta do meio dia chegava eu ao ponto de encontro na Galeria Central do Hotel Serrador. Havíamos combinado que iriamos almoçar juntos. O meu intuito era levá-la ao restaurante Spaguetelandia na Ceilândia junto ao Hotel São Francisco Eu deixara no cofre do Hotel toda a minha “fortuna” que me lembro ser da ordem de três mil cruzeiros (eu creio que a moeda era o cruzeiro) e esse total correspondia a três salários de um sargento do Exército. No bolso eu levava cento e cinquenta cruzeiros que na minha conta dava para duas pessoas almoçarem naquela tratoria, ir ao cinema e ainda pagar o ônibus para voltarmos ä sua casa. Ela morava em Todos os Santos bairro junto á Baixada Fluminense (longe pra burro…de onde eu estava.)

Ansioso pela chegada da moça fiquei já bastante surpreso quando a vejo descer do ônibus em companhia de uma garota que me foi apresentada como sua irmã..Pensei com meus botões: isso não vai dar certo.. eu não combinei nenhuma escolta. Mas se fosse só isso…. Após os abraços de praxe, ia conduzindo as duas para o restaurante, quando escuto a única coisa que eu não desejava ouvir: “Eu quero almoçar na MESBLA” (Ouça-se MEEXXXXXBLA no sotaque carioca) Eu senti um tremor em todo o meu corpo. Esse era um dos restaurantes mais caros da redondeza… Eu nunca teria a audácia de ir lá.. Na hora me ocorreu a ideia de falar que ia a um banheiro e sumir… seria o certo, até mesmo porque não estava no script. Mas, bobo. banquei o mineiro peão para dar capricho para aquelas duas cariocas.. Ocupamos a mesa do citado restaurante e pedimos o cardápio. Quando vi os preços o arrepio aumentou mais ainda…. e muito pior foi quando houve as escolhas.. a irmãzinha de pronto pediu bem saltitante : eu quero camarão (era o prato mais caro..), a namorada pediu bacalhau  e eu , diante disso, pedi umas folhas de alface e algumas rodelas de tomate. O suor descia pela face á medida que eu somava os preços que já se aproximavam do total disponível no bolso… a essa altura não me surpreenderia se ela pedisse um vinho francês dos mais caros, quando qualquer suco já  esbarrava no meu limite.. Foi quando eu ouvi algo que soou aos meus ouvidos como um tiro de canhão: Eu quero sobremesa!!!!!”era a irmãzinha”… O meu anjo da guarda vestiu-se de garçom e disse que infelizmente a sobremesa havia se estragado por defeito da geladeira. Uffff.

Imediatamente pedi a conta que totalizou cento quinze cruzeiros. Chegando á rua a “monstrinha”decretou vamos voltar de taxi, porque estou cansada. Nem respondi e fui embora.. Acho que a dupla já estava acostumada a dar o golpe da MESBLA… e eu estreei no time dos “bobo alegres”.

 

3 respostas »

  1. Amei esta crônica lembrei-me de quantas vezes, Grippi e eu ficamos

    Hospedados no hotel Novo Mundo, LEMBREI-ME bem da viagem inaugural

    De um navio italiano e na véspera eu tinha comido peixe, tive uma diarreia e quase não dava tempo

    De chegar ao hotel e na cama fiquei o dia todo, e era dia do grande premio do joquei club, ele foi depois que o medico

    Receitou e eu fui curti um sono dos inocentes….

Excelentes as matérias postadas

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: